terça-feira, 29 de março de 2011

José Alencar, Um Político de Deus

   Que dor que senti quando soube da notícia de falecimento do querido vice presidente José Alencar. Não o conhecia pessoalmente, bastava saber da sua existência e do seu jeito carismático e bondoso para amá-lo. É muito triste perder um líder do Brasil que é muito amado, mas também deve ser de muita alegria, porque perdemos para o céu e ganhamos mais um intercessor.
   José de Alencar já vinha sofrendo à 14 anos com o câncer e mesmo assim não perdia a fé. a esperança e seu contagiante sorriso. Sempre dizia quando falava de sua doença: " Se Deus quiser me levar, ele não precisa de câncer pra isso. E se ele não quiser me levar não há câncer que me leve. Tudo indica que Deus não quer me levar  ". Todo câncer e cirurgia é um risco de vida, mas esse risco não era problema para ele, pois, dizia ao povo brasileiro: " Não tenho medo da morte, tenho medo da desonra ".
   Foi um ser de grande otimismo, bom caráter, amizade e fé. Era um homem de uma luz agradável e contagiante que poucas pessoas tem. Um homem de grande paz interior, luz assim, que só se sente em pessoas agraciadas de Deus, como D.Luciano de Almeida, D.Luciano Bergamin, D.Adriano Hypólito, Ir.Dulce, D.Paulo Arns, D. Hélder Câmara, Pe.Leo, Pe.Marcelo Rossi, Pe.Ricardo Nunes, Madre Teresa de Calcutá e outros. É muito difícil falar de José de Alencar sem falar de fé, ele realmente era um homem iluminado, era abençoado, era de Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário