quinta-feira, 19 de agosto de 2010

D.Adriano Hipólito


   Ontem,10 de agosto ,a Diocese de Nova Iguaçu inteira celebrou a memória do saudoso D.Adriano Hipólito. Ele era "um cristão sem medo de correr riscos" (revista dos 50 anos de missão da diocese de Nova Iguaçu),sem medo de falar a verdade,sem medo de ser o bispo do povo.
   D.Adriano viveu em um tempo que o Brasil sofria com a violência gratuita,torturas,injustiças;o Brasil vivia no períoro do golpe militar.
   Adriano viveu santamente as bem- aventuranças,e não tem como negar a sua santidade. Foi perseguido,torturado,caluniado,sequestado,mas mesmo assim não perdeu a fé e a coragem,ele mesmo falava que " Em certos lugares,em determinadas épocas,ser cristão significa correr riscos."
   D.Adriano nasceu em Aracajú (SE) em 1918,e seu nome de batismo era Fernando Pólito.
   Aos 23 anos professou seus votos de pobreza,castidade e obediencia. Em outubro de 1942 foi ordenado padre.
   Foi nomeado bispo-Auxiliar de Salvador em 22 de novembro de 1962 pelo papa João XXIII,e bispo de Nova Iguaçu.
   Morreu em 10 de agosto de 1996,seus restos mortais repousam na igrejam de Santo Antônio de Jacutinga (Nova Iguaçu).
   D.Adriano Hipólito,Rogai por nós!  (Diário de Leonardo de Santana Pacheco,11 de agosto de 2010)

Nenhum comentário:

Postar um comentário